mergulhem-se

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Uma vez - Paul Celan, poesia

Uma vez, estando a Morte repleta de clientes,
tu em mim te abrigaste.

Um comentário:

Julia disse...

Bien venue!

beijo