mergulhem-se

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

Nietzschiana - Manuel Bandeira

- Meu pai, ah que me esmaga a sensação do nada!
- Já sei, minha filha... é atavismo.

E ela reluzia com as mil cintilações do Êxito intacto.

2 comentários:

bleh disse...

lembra do psicopata ser par perfeito do histérico? dá certo sim: o psicopata atende tudo do histérico e nunca se sentiria culpado por ser quem não se é. maaaaaaaaas, não rola amor, coração. a liga é fraca, fica só na doença. quem alimenta melhor o histérico é o masoquista, com suas culpas, inclusive.
foi assunto de uma supervisão dia desses e lembrei de te contar. :)

bleh disse...

as vzs fico pensando que o nietzsche nunca descobriu quem era genuinamente... ;) divagações...